Folha de Ribeirão Pires


02/10/2015 11:52 - Especial

Sabesp imprime velocidade em obras para enfrentar pior crise da história

A maior seca dos últimos 85 anosSegundo Guilherme Paixão, superintendente de Gestão de Empreendimentos da empresa, a Sabesp sempre trabalhou com séries históricas para planejar suas ações. Diante desse cenário, era muito improvável prever a estiagem pela qual São Paulo passa e que teve início no ano de 2013.
 
No entanto, a crise hídrica fez com que a Sabesp adiantasse a execução de obras. “Foi preciso desenvolver outras soluções emergenciais, como o uso da reserva técnica do Cantareira e a interligação dos sistemas”, disse Guilherme Paixão, referindo-se ao pior cenário de seca dos últimos 85 anos.
 
“Nos debruçamos sobre o problema, desenvolvemos as soluções e as executamos”, acrescentou o superintendente.
 
Guilherme Paixão enfatiza ainda a parceria entre as áreas da Sabesp nesse desafio. “Conseguimos fazer tudo no prazo. Aliás, muitos garantiam que não faríamos as obras da reserva técnica. Com o auxílio de todos os envolvidos atingimos nosso objetivo. Já entregamos a interligação do braço Rio Grande da Billings ao sistema Alto Tietê. Novamente, poucos acreditavam que seria possível, pois é uma obra bastante complexa. Por se tratar de obra de grande porte, demandou autorizações na parte terrestre e licenças ambientais e agora acaba de entrar em operação”.

+21
+22°
+16°
Ribeirao Pires
Terça-Feira, 24