Folha de Ribeirão Pires


25/06/2012 09:39 - Serviços

Poupatempo da Saúde - AME contabiliza mais de 127 mil atendimentos e coloca saúde andreense acima da média nacional

Quem atesta é o Ministério da Saúde, por meio do IDSUS 2012

O Poupatempo da Saúde – AME Santo André mostra resultados expressivos desde sua inauguração em 2010. Até maio, dados consolidados mostram números crescentes de exames e consultas. Foram 127.628 atendimentos realizados. Único na região do ABC a realizar pequenas e médias cirurgias, foram 4.124 intervenções desde outubro. O espaço é destinado a cirurgias ambulatoriais de média complexidade, como catarata, hérnia inguinal, varizes, dermatológicas e estéticas corretivas, entre outras. A capacidade é de até 16 intervenções por dia.

O complexo especializado deu uma guinada em estrutura e qualidade do atendimento na cidade. Inaugurado em 2010, oferece 27 especialidades, 19 tipos de exames e o Hospital Dia para realização de cirurgias. O centro cirúrgico do Poupatempo da Saúde ocupa todo o quarto andar do equipamento, reunindo três salas de cirurgia, duas salas de observação (masculino e feminino) com seis leitos cada, além de uma sala de observação rápida para procedimentos oftalmológicos e a CME (Central de Materiais e Esterilização).

Os encaminhamentos para cirurgias são feitos dentro do próprio AME-Poupatempo da Saúde, após o paciente passar por consulta e exame. O novo centro cirúrgico mobiliza equipe de 16 profissionais entre auxiliares, enfermeiros e médicos. “Investimos R$ 16 milhões numa área de 5,2 mil metros quadrados, possibilitando que os andreenses sejam atendidos de forma digna com data e hora marcadas”, destaca o Secretário de Saúde de Santo André, Dr. Antonio de Giovanni Neto.

Saúde andreense tem nota acima da média nacional, segundo IDSUS (2012)

Estudo do Índice de Desempenho do SUS - IDSUS 2012 (Índice de Qualidade), realizado pelo Ministério da Saúde, apontou Santo André com nota 7,87 pontos, superior a média nacional, que foi de 5,47. Ações como a implementação do Poupatempo da Saúde - AME Santo André tiveram grande impacto na avaliação. A média das demais cidades do ABC foi de 5,29 pontos.

Santo André tem a seu favor ainda, como ponto determinante para a avaliação do município, a redução no tempo de espera, seja para consultas, exames ou cirurgias, nas unidades básicas de saúde, nos Centros de Especialidades, nos Pronto Atendimento e no Centro Hospitalar, além do aumento na qualidade do atendimento prestado pelo corpo clínico e de enfermagem.

IDSUS 2012

Para montar o Índice de Desempenho do SUS (Índice de Qualidade), o Ministério da Saúde levou em consideração análise concomitante de três índices: de Desenvolvimento Socioeconômico (IDSE), de Condições de Saúde (ICS) e de Estrutura do Sistema de Saúde do Município (IESSM). O IDSUS 2012 é baseado em 24 indicadores de saúde, sendo que dez deles avaliam a efetividade dos serviços. “São índices que pontuam se o serviço é prestado de maneira adequada e se os objetivos traçados estão sendo atingidos”, disse o secretário de Saúde de Santo André, Dr. Antonio de Giovanni Neto.

 

Da Assessoria de Imprensa de Santo André 

+21
+22°
+16°
Ribeirao Pires
Terça-Feira, 24