Folha de Ribeirão Pires


29/06/2018 10:13 - Polícia

Polícia Ambiental fecha fábrica de balões em Mauá

Ao longo da ação, cinco balões foram recolhidos e 15 pássaros libertados

Ação aconteceu na tarde da última terça-feira na Vila MorelliA Polícia Militar Ambiental fechou uma fábrica clandestina de balões, localizada na Vila Morelli, na cidade de Mauá.
 
Ao longo da ação, que aconteceu na tarde desta terça-feira (26), 15 pássaros que eram mantidos em cativeiro também foram apreendidos.
 
Militares da 2ª Companhia do 1º Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) se deslocaram até o local apontado em denúncia e localizaram, na Rua Benedito Emilio de Oliveira, cinco balões confeccionados, cinco bocas de armação de fogueteira sem fogos e 15 pássaros da fauna silvestre.
 
Ao longo da ação, os policiais colocaram em liberdade quatro sabiás, cinco tico-ticos, dois galos de campina, dois picharros, um sanhaço cinzento e um coleiro baiano. 
 
O infrator será autuado em R$ 75 mil pelos balões e em R$ 15 mil pelos pássaros silvestres que eram mantidos em cativeiro.
 
O autor, que é reincidente nos crimes relacionados à fabricação de balões e acondicionamento de animais em cativeiro, teve as multas majoradas. A ocorrência está em andamento e será apresentada na Delegacia de Investigação de Crimes contra o Meio Ambiente (Dicma) de Santo André.

+21
+22°
+16°
Ribeirao Pires
Terça-Feira, 24