Folha de Ribeirão Pires


03/08/2018 10:16 - Polícia

Mauá tem braço na operação da Polícia Civil de cargas roubadas

Dois galpões em Mauá eram utilizados para armazenar produtos roubados pela quadrilha

Todo tipo de carga era roubada pelo bando, que foi desarticulado nesta semanaA Polícia Civil de São Paulo cumpriu na manhã da última terça-feira 25 mandados de prisão e 39 de busca e apreensão contra criminosos especializados em roubos de carga. Segundo a investigação, a quadrilha envolvia até empresários que compravam o material roubado usando notas frias. Até o momento foram presas 21 pessoas.
 
A quadrilha atuava desde 2016. Segundo as investigações, o valor arrecadado variava entre R$ 8 milhões e R$ 10 milhões por mês.
 
Ela mantinha galpões preparados com empilhadeiras para transferir a carga roubada e bloqueadores para impedir o funcionamento de rastreadores dos caminhões. Câmeras alertavam sobre a chegada da polícia.
 
As cargas roubadas desapareciam rapidamente. Durante a investigação, a polícia chegou a dois galpões em Mauá, um deles na avenida Barão de Mauá, onde os bandidos usavam para esconder as mercadorias. No local a polícia encontrou até empilhadeiras, usadas para transferir os produtos roubados para veículos da quadrilha. 
 
Da quadrilha, dois irmãos já estavam detidos e atuavam de dentro do CDP (Centro de Detenção Provisória) de Mauá, um foi preso na segunda-feira, quatro no dia 13 e três no dia 14 de julho. De acordo com o investigador chefe Cristiano Souza, o líder da quadrilha foi preso em flagrante na segunda-feira, em Sorocaba, quando transportava carga roubada. Eles vão responder por organização criminosa, e de acordo com a função de cada um dentro do esquema.
 
Intitulada Ouro Branco, a operação envolveu cerca de 120 policiais em cidades do ABC, inclusive Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, da Baixada Santista e do interior do Estado (Sorocaba e Cabreúva). As polícias civis de Minas Gerais e do Rio Grande do Sul auxiliavam buscando os receptadores naqueles estados. 

+21
+22°
+16°
Ribeirao Pires
Terça-Feira, 24