Folha de Ribeirão Pires


26/02/2014 11:13 - Cidade

Diadema implanta Ronda Cidadã para reduzir criminalidade

Nesta segunda, 24, aconteceu o ato solene de lançamento da “Ronda Cidadã”, na Praça da Moça.  A ação de segurança está em andamento desde o último dia 19 e tem por objetivo ampliar a presença das forças de segurança do município (Guarda Civil Municipal - GCM, Polícia Civil e Polícia Militar) no dia a dia da comunidade.

 “A Guarda Civil mais perto da população”: este é o lema da Ronda Cidadã em Diadema. Na prática significa que o cidadão de Diadema está mais seguro com uma Guarda mais próxima e mais acessível. As viaturas da GCM ficarão estacionadas em frente a estabelecimentos comerciais, locais que serão ponto de contato para população fazer contato e denúncias ou sugestões junto à Guarda. Ao mesmo tempo, rondas da GCM e da Polícia Militar circularão o município, enquanto a Polícia Civil realiza diligências e investigações para o combate à criminalidade.

 “A Ronda Cidadã vai atender 14 pontos da cidade, levantados por meio de ocorrências policiais levantadas pela GCM, Polícias Civil e Militar e denúncias da população”, afirmou o prefeito. A Prefeitura irá investir R$ 30 mil mensais para combater a criminalidade. As operações da Ronda não têm prazo para acabar.

 Com 30 quilômetros quadrados de território, Diadema, por meio da “Ronda Cidadã”, passa a ser dividida em quatro setores. Cada um deles setores será rondado por equipes específicas que ficarão à disposição no local para oferecer segurança à comunidade, o que tornará as ações mais efetivas e melhor distribuídas pela cidade.  Desde dezembro de 2013 a GCM conta com mais 10 viaturas do modelo Gol 1.6 e mais seis motos de 650 cilindradas da marca BMW, cujos motociclistas acabaram de ser formados para apoiar as rondas dos equipamentos municipais, bem como nas áreas do projeto Mulheres da Paz.

O Programa tem como meta a prevenção da violência, por meio da capacitação de mulheres para atuarem como mediadoras sociais nas respectivas comunidades a partir do poder feminino. Além disso, há o objetivo de construir e fortalecer redes de prevenção à violência doméstica que compõem a realidade local e que envolvem jovens e mulheres.

 

 

Por Heitor Bisi

 

+21
+22°
+16°
Ribeirao Pires
Terça-Feira, 24