Folha de Ribeirão Pires


18/12/2018 11:03 - Polícia

Decomposição avançada dificulta reconhecimento de corpo encontrado

Exame de DNA em cadáver localizado em Rio Grande da Serra só poderá ser realizado caso haja procura de familiares 

Corpo encontrado em RGS estava em estado avançado de decomposição / Imagem enviada à Folha de RPO corpo encontrado na Represa Billings, em Rio Grande da Serra, na última quarta-feira (12) ainda não foi identificado pelo Instituto Médico Legal de Santo André. 
 
Segundo informações, o estado avançado de decomposição do corpo dificulta a identificação por meio das impressões digitais. 
 
O reconhecimento através do exame de DNA só poderá ser realizado caso haja suspeita fundada de parentesco com algum reclamante. 
 
A Polícia Civil de Rio Grande da Serra tomou conhecimento do cadáver após uma criança levar a fotografia até a Delegacia do município, na quinta-feira (18). 
 
De acordo com informações obtidas pela Folha ainda no local dos fatos, as crianças estavam soltando pipa nas proximidades da represa, quando decidiram entrar na água em busca da pipa que havia sido cortada. Ao sentirem o forte cheiro, viram que havia um corpo sem cabeça, aparentemente de um homem, em estado avançado de decomposição. Uma das crianças retornou para casa e avisou a avó, que não acreditou no relato do garoto. 
 
Após tomarem ciência dos fatos, equipes da Polícia Civil, da Polícia Militar de Rio Grande da Serra e a Perícia se deslocaram até o local para efetuar o isolamento e a remoção do corpo.  
 

+21
+22°
+16°
Ribeirao Pires
Terça-Feira, 24