Folha de Ribeirão Pires


23/11/2018 09:58 - Política

Câmara de Ribeirão torna Saulo inelegível

Após dois adiamentos, ex-prefeito tem Contas rejeitadas pela Casa de Leis 

Saulo não reverte votos e fica inelegível após derrota na Casa de LeisPelo placar de 12 votos contrários a Saulo Benevides (MDB), 4 favoráveis (Gê do Aliança, Banha, João Lessa e PC)  e uma abstenção (Zé Nelson), o ex-prefeito de Ribeirão Pires teve as contas de 2014 rejeitadas pela Câmara de Vereadores, durante a sessão de ontem, marcada por forte negociação de bastidores.
 
Após dois adiamentos, os vereadores acolheram parecer do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) que indicava a rejeição da prestação.
 
Segundo parecer o TCE-SP, as contas de 2014 foram rejeitadas devido ao desequilíbrio econômico-financeiro, através do déficit orçamentário e financeiro elevados, aumento de 62% do endividamento total da Prefeitura, bem como,  atraso do pagamento do acordo de parcelamento firmado com Instituto de Previdência local; e parcelamento de débitos previdenciários devidos ao INSS. O parecer aponta ainda gastos com bebida alcoólica e quebra na ordem de pagamentos da Administração.
 
Em sua defesa, o ex-prefeito negou os apontamentos e defendeu a lisura no gasto do dinheiro público.
 
“Administrei no pior momento da crise econômica do país. O apontamento da rejeição feito pelo Tribunal de Contas foi a queda de receita. E a única forma que eu tinha para reverter isso era tributar a população, com aumento de IPTU. O que eu não fiz! A maioria dos munícipios teve queda de receita. Mas é importante frisar que eu cumpri todos os limites constitucionais. Os 25% da Educação e os 15% da Saúde. Esse julgamento de ontem foi extremamente político”, defendeu-se Saulo.
 
Contrário a aprovação, o vereador Amigão D´Orto (PTC) disse: “espero que a votação de hoje sirva de conscietização para os próximos gestores, que se cometerem irregularidades serão punidos”.
 
Com a manutenção do parecer do Tribunal, a Câmara de Ribeirão Pires tornou o ex-prefeito inelegível, portanto, impedido de concorrer nas próximas eleições.

+21
+22°
+16°
Ribeirao Pires
Terça-Feira, 24